Faturamento, Tributação e Logística

Publicado em

Faturamento, Tributação e Logística: pontos importantes a se considerar

O faturamento costuma ser visto como o objetivo final. Afinal, é para isso que a empresa trabalha, durante todo ano, para que ao final do período fiscal, esteja com um faturamento bem positivo.

E é por esse motivo que esse processo deve ser muito bem gerenciado. A seguir, alguns pontos que podem ser postos em prática:

O planejamento

O faturamento se inicia ainda no planejamento.

É necessário manter esse objetivo em mente o tempo todo, e pensar como será o processo de compra de materiais, produção e vendas, de modo que cada ação culmine no faturamento mais alto possível.

Portanto, desde o início da jornada e durante todo o seu percurso, os gestores precisam acompanhar, analisar e até mesmo, prever o que o mercado demanda de seus produtos.

É apenas sabendo o que o cliente quer, que é possível atendê-lo, garantindo assim o máximo faturamento. Se quiser saber mais sobre planejamento financeiro clique aqui.( irei incluir o link do post de planejamento financeiro)

O aspecto tributário

Existe ainda o outro lado do aspecto financeiro. As obrigações fiscais são algo que qualquer empresa precisa lidar, e o Brasil tem uma malha tributária extremamente complexa.

Assim como no planejamento, esse ponto se permeia por todo o processo. Desde o início é preciso escolher o modelo de tributação mais adequado para o seu negócio.

A programação financeira

Porém, os aspectos tributários são apenas uma pequena fatia de toda a programação financeira que precisa ser feita. Nesse sentido é preciso medir e prever toda movimentação financeira durante o período fiscal.

Sejam as contas a pagar e os valores a receber, que são mais concretos, mas também as ações mais teóricas, como os riscos de viabilidade financeira.

É necessário avaliar a situação de capital de giro da empresa, também como a procura por possíveis investimentos.

Cada um desses aspectos financeiros precisa ser colocado na balança, assim como diversos outros, para garantir um faturamento positivo ao final do ano.

A logistica

A logística também é um fator que tem um grande peso no faturamento.

Gastos muito grandes com esses aspectos podem diminuir consideravelmente o faturamento ao final do período, por isso as empresas precisam estar sempre atentas a formas de otimizar os custos logísticos.

No caso das empresas do setor têxtil, isso envolve buscar formas mais eficientes de movimentar e comprar as matérias-primas, verificando as necessidades de compra, e também buscando alternativas de tornar a produção mais eficiente, reduzindo custos.

Confira aqui, como controlar seu estoque de matéria prima.

Os desafios únicos ao setor

O faturamento é uma combinação de todos os fatores acima, que são bem comuns a praticamente qualquer negócio. Porém, existem ainda os desafios mais únicos para cada setor. A indústria têxtil, não é diferente.

Um ótimo exemplo de um desafio desta ordem é o controle de coleções.

Estas, costumam ser procuradas apenas por um período específico, fazendo com que seu valor seja menor após um certo tempo.

Isso significa que um erro na estimativa, para mais ou para menos, resulta em um faturamento não ideal.

Por conta disso, é preciso contar com um recurso que seja a resposta para todos os problemas. Um software que consiga gerenciar todos os aspectos financeiros e logísticos mencionados acima, ao mesmo tempo, que é adequado ao setor da indústria têxtil.

Então clique aqui e saiba mais sobre o Sistema para Confecção da OrganizaTextil!

Posts Relacionados

Confira um pouco mais do nosso blog abaixo.
#EuVistoBrasil Apoie Essa Idéia

Saiba Mais
Custo Gerencial e Custo Real

Saiba Mais
Máscaras, Eficiência e Crise, 9 Dicas!

Saiba Mais